Internet das Coisas

Como funciona o Chip IoT?

Como funciona o Chip IoT?

conectividade iot

Para se destacar no mercado, empresas precisam se digitalizar e aderir a inovações. Por isso, o Chip IoT vem ganhando destaque. Essa pequena peça é essencial para a aplicação da Internet das Coisas (IoT) – uma das tecnologias emergentes que mais cresce atualmente.

Segundo recente estudo da Gartner, 47% das empresas mundiais pretendem ou estão aderindo à IoT em seus processos, sendo que o principal objetivo dessas organizações é a redução de custos operacionais.

Você sabe o que é Internet das Coisas? Entenda sua relação com o M2M

O crescimento do uso do IoT está impactando todo o mercado e, com isso, também vem aumentando a busca pelo chip IoT. De acordo com a ferramenta Google Trends, a média de procura pelo termo “chip IoT”, no Brasil, cresceu mais de 200% em 5 anos.

Mas o que é e como funciona o chip IoT? Ao longo deste post, vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre a tecnologia e por que sua empresa precisa aderir. Continue a leitura e confira!

O que é o chip IoT?  

O chip IoT é uma peça que possibilita que objetos se conectem com a Internet, armazenem e executem funções variadas.

Um exemplo da aplicação da Internet das Coisas são os relógios e os carros inteligentes. Mas, essa tecnologia vai muito além disso e já vem trazendo diversos benefícios para empresas.

Descubra quais as aplicações do IoT nos principais segmentos de mercado

 Os chips IoT são muito parecidos com os chips tradicionais, que são usados em celulares e tablets. Porém, com algumas vantagens: Internet mais barata, central para rastreamento do chip e outros.

Além disso, o material do chip IoT (também chamado de chip de telemetria) é muito mais robusto. Dessa forma, a peça consegue ser mais resistente à exposição à chuva, sol, calor de motores e impactos. Essa característica é essencial para o seu funcionamento, uma vez que o chip IoT pode ser usado em diferentes equipamentos e para variados objetivos.

Como funciona o chip IoT?

O Chip IoT usa a rede GPRS (General Packet Radio Service), que é a mesma usada para telefonia celular (2G, 3G e 4G), com isso os dados trafegam em infraestruturas já existentes.

Diferente de outros meios de comunicação IoT (como radiofrequência, Wi-Fi, satélite e outros), a rede GPRS é uma opção com o melhor custo-benefício e as operadoras que oferecem o serviço cuidam da manutenção da rede.

Os chips IoT podem usar diversos tipos de dados, como SMS e VPN IPSEC+, coberturas 3G e 4G, CSD, APN privada ou APN pública (quando a conexão compete com outras transmissões dados e voz), entre outros.

Onde comprar um Chip IoT?

Para adquirir seu Sim Card IoT, é necessário procurar uma operadora especializada. A Arqia é especialista em conectividade IoT M2M. Oferecemos Planos de IoT M2M pré e pós-pagos. Além de combos exclusivos que integram conectividade IoT com rastreadores. Converse com nossos especialistas e descubra qual o chip IoT ideal para atender às necessidades da sua empresa. Entre em contato!

Gostaria de saber mais sobre a utilização da conectividade? Entre em contato com a gente!